Ativar JavaScript
Portal Regional da BVS

Portal Regional da BVS

Virtual Health Library (VHL = BVS) – integrated search with LILACS and VHL databases

Dia Mundial da Tuberculose 2019
“É hora de agir. Fim da Tuberculose”

Plano de ação para a prevenção e controle da tuberculose
Tuberculosis en las Américas
Revisões Sistemáticas e Guias de Prática
Integração do cuidado centrado no paciente e na prevenção.
Estratégia para o Fim da TB (em inglês)
Políticas arrojadas e sistemas de apoio
Directrices sobre la atención de la infección tuberculosa latente
Investigação e inovação fortalecidas

Embora menos pessoas tenham adoecido e morrido por tuberculose (TB) no ano passado, os países ainda não estão fazendo o suficiente para acabar com a doença até 2030, alerta a Organização Mundial da Saúde (OMS). Os esforços globais evitaram cerca de 54 milhões de mortes por essa causa desde o ano 2000, mas a tuberculose continua a ser a doença infecciosa mais letal do mundo.

O tema do Dia Mundial da Tuberculose 2019 - "É hora" - enfatiza a urgência de atuar nos compromissos assumidos pelos líderes globais para:

  • Aumentar o acesso à prevenção e tratamento
  • Construir a prestação de contas
  • Garantir financiamento suficiente e sustentável, inclusive para a pesquisa
  • Promover o fim do estigma e discriminação dos portadores
  • Promover uma resposta equitativa a tuberculose, baseada em direitos e centrada na população
Fonte: World Health Organization

Mídias

Vídeo – Grandes Cidades

Infográficos

 

Informativo: Post-2015 Global TB Strategy and targets (em inglês)

 

Estratégia Global para o Fim da Tuberculose

Cuidados e prevenção integrados e centrados no paciente

Este pilar coloca os pacientes no centro da prestação de serviços.

  • Diagnóstico precoce da tuberculose, incluindo testes universais de suscetibilidade à droga e triagem sistemática de contagio e grupos de alto risco;
  • Tratamento da população com tuberculose, incluindo apoio ao paciente e a tuberculose resistente a medicamentos;
  • Atividades colaborativas para tuberculose / HIV e manejo de comorbidades;
  • Tratamento preventivo para população de alto risco e vacinação contra tuberculose.

Políticas arrojadas e sistemas de apoio

Este pilar requer participação intensa entre o governo, comunidades e setor privado.

  • Compromisso político com recursos adequados para o atendimento e prevenção da tuberculose;
  • Envolvimento das comunidades, organizações da sociedade civil e prestadores de serviços públicos e privados;
  • Política universal de cobertura de saúde e marcos regulatórios para notificações, registro vital, qualidade e uso racional de medicamentos e controle de infecção;
  • Proteção social, mitigação da pobreza e ações sobre outros determinantes da tuberculose.

Investigação e inovação fortalecidas

Esse pilar focado na pesquisa é fundamental para quebrar a trajetória da epidemia e atingir a meta global.

  • Descoberta, desenvolvimento e incorporação de novas ferramentas, intervenções e estratégias;
  • Pesquisa para otimizar a implementação e o impacto e promover inovações.