No Acre, USP pesquisa malária e a saúde de mães e seus bebês

https://jornal.usp.br/ciencias/ciencias-da-saude/no-acre-usp-pesquisa-malaria-e-a-saude-de-maes-e-seus-bebes/

A Faculdade de São Pública (FSP) da USP desenvolve, desde 2015, um acompanhamento de longo prazo (coorte) de mães e seus bebês: é o Estudo MINA-Brasil, coordenado pela professora Marly Augusto Cardoso, do Departamento de Nutrição. O objetivo é avaliar aspectos da saúde e da nutrição, desde a concepção dos bebês até os dois primeiros anos de vida (mil dias). Pesquisas indicam esse período como uma “janela de oportunidades” para uma série de intervenções importantes que podem melhorar o perfil de saúde da criança na adolescência e na vida adulta. Atualmente, o projeto envolve a participação de cerca de 900 bebês e suas mães.

Originador(es): Jornal da USP
Recurso adicionado em: 30/10/2018
Idiomas disponíveis: Português
Malária, Brasil, Nutrição do Lactente, Saúde Materna, Serviços de Saúde Materno-Infantil
  • Compartilhar
  • Sugerir uma palavra-chave
    [X]
    Sugestões
    Separadas por virgula
    [X]
    Obrigado por sua sugestão.
    Problemas de comunicação. Por favor tente novamente.
  • Informar um erro
    [X]
    Motivo
    Novo Link (opcional)
    [X]
    Obrigado por informar este problema.
    Problemas de comunicação. Por favor tente novamente.
comments powered by Disqus